Éster

Os compostos deste grupo funcional derivam dos ácidos carboxílicos, quando o átomo de hidrogénio do grupo carboxilo é substituído por um grupo alquilo (ou arilo, no caso de um grupo derivado de um hidrocarboneto aromático), daí resultando uma estrutura R1-COOR2, onde R1 e R2 podem ser iguais, sendo R2 o grupo que substituiu o H do grupo carboxilo.

O nome do éster é obtido fazendo a substituição do sufixo -ico do ácido que lhe deu origem, pelo sufixo -ato, indicando de seguida o grupo alquilo ou arilo existente.

Exemplos:

CH3-COO-CH3 (etanoato de metilo ou acetato de metilo)

HCOO-C6H5 (metanoato de fenilo)

TOP



hit
  counter
visitas | Estatísticas | Miguel Neta 2017