Carga elétrica

O eletrão foi descoberto em 1897, por Thomson, mas a sua carga apenas foi determinada 12 anos depois, por Millikan.

\(e\) = -1,6021766208 x 10-19 C

Como o eletrão é uma partícula elementar, a sua carga também o é, pelo que as cargas na natureza são múltiplas da carga do eletrão.

[A carga dos quarks não é elementar, mas os quarks não existem isolados.]

Princípio da conservação da carga elétrica

A carga elétrica de um sistema isolado é constante.

A carga elétrica do sistema isolado permanece constante, mas o sistema pode não ser neutro!

Se um sistema não for isolado pode ganhar ou perder cargas (no caso de átomos ou moléculas há a criação de iões).

Se, num corpo, o número de cargas negativas for superior ao de cargas positivas esse corpo está carregado negativamente. Se o número de cargas positivas for superior ao de cargas negativas o corpo está carregado positivamente.

Eletrização

Os primeiros fenómenos elétricos foram observados e descritos na Antiguidade e estão relacionados com a eletrização de corpos (adquirir um excesso de carga por parte de um dado material).

A eletrização pode ser feita através de:

Fricção;

Contacto;

Indução (influência).

Eletrização por fricção

A série triboelétrica permite prever a carga dos corpos quando sujeitos a eletrização por fricção um no outro. Os materiais que ocupam a posição superior perdem eletrões e os que se encontram na parte inferior ganham eletrões.

Eletrão

Série triboelétrica

Balões e Eletricidade Estática [© PhET]

TOP



hit
  counter
visitas | Estatísticas | Miguel Neta 2018