Plutão

Plutão (Figura 1) foi descoberto em 1930, pelo astrónomo amador norte-americano Clyde William Tombaugh.

Já foi considerado o planeta mais externo do Sistema Solar mas agora é designado como um dos planetas anões. É mais pequeno que a Lua (tem um diâmetro de cerca de 2/3 do da Lua). Demora 248 anos terrestres a completar uma volta em torno do Sol, e por vezes a sua órbita faz com que se encontre mais perto do Sol que Neptuno (uma das razões porque perdeu o estatuto de planeta). Tem a órbita bastante inclinada (17,15 graus).

Figura 1 - Planeta-anão Plutão fotografado pela sonda New Horizons [© NASA].
Figura 1 - Planeta-anão Plutão fotografado pela sonda New Horizons [© NASA].
Figura 2 - Superfície de Plutão fotografada pela sonda New Horizons [© NASA].
Figura 2 - Superfície de Plutão fotografada pela sonda New Horizons [© NASA].

Tem uma atmosfera bastante ténue, de azoto (\(\text{N}_{2}\)) e metano (\(\text{CH}_{4}\)).

Plutão tem cinco luas: Caronte, Nix, Hidra, Estige e Cérbero.

Características

Raio equatorial: 1 185 km

Massa: 0,015 x 1024 kg

Densidade relativa: 2,05

Distância média ao Sol: 5 913,5 x 106 km / 39,5 U.A.

Período de translação: 248,54 ano* / 90 717,1 dias*

Período de rotação: 154 horas* / 6,41 dias*

Temperatura máxima: -228 ºC

Temperatura média: -236 ºC

Temperatura mínima: -238 ºC

Número de satélites naturais: 5

Velocidade orbital média: 4,74 km s-1

* Anos, dias e horas terrestres

Figura 3 - Comparação de tamanhos entre a Terra, Plutão e Caronte [© NASA].
Figura 3 - Comparação de tamanhos entre a Terra, Plutão e Caronte [© NASA].

Caronte

O conjunto de Plutão e Caronte é considerado um sistema duplo devido ao facto de Caronte ter cerca de metade do tamanho de Plutão, com um raio equatorial de 604 km. Caronte foi descoberta em 1978, por Jim Christy.

Figura 4 - Caronte fotografada pela sonda New Horizons [© NASA].
Figura 4 - Caronte fotografada pela sonda New Horizons [© NASA].

Missão New Horizons

No dia 19 de janeiro de 2006 foi lançada a sonda New Horizons com o objetivo de estudar Plutão e a Cintura de Kuiper. A sonda atingiu a distância mínima a Plutão em Julho de 2015, conseguindo obter fotografias detalhadas da sua superfície (Figuras 1 e 2) e da sua lua Caronte (Figura 4).

Pluto [© NASA]

Missão New Horizons [© NASA] 

TOP



hit
  counter
visitas | Estatísticas | Miguel Neta 2017