Movimentos

Translação

O movimento de translação é o movimento de um corpo em redor de outro (por exemplo a translação da Terra em torno do Sol).

O período de translação é o tempo que esse movimento demora a ser executado (no caso da Terra é cerca de um ano). Este período de translação é menor para os planetas mais próximos do Sol e maior para os planetas mais distantes.

Planetary Motion [© Physics Flashlets

The Inner Solar System [© Physics Flashlets

The Outer Solar System [© Physics Flashlets

Rotação

A rotação é o movimento de um corpo em torno de si mesmo. Este é o movimento responsável pela existência dos dias e noites num planeta. Esse movimento é feito em torno do eixo de rotação, uma linha imaginária que passa pelo centro desse corpo.

O período de rotação é o tempo que cada corpo demora a realizar uma rotação completa. No caso da Terra esse período é de 24 horas (1 dia).

Dias e noites de um planeta

A consequência do movimento de rotação de um planeta é a de ter, durante algum tempo, uma parte virada para a estrela que lhe fornece luz e calor. A parte do planeta que durante algum tempo está a receber luz da estrela encontra-se na fase de dia. A parte do planeta que não se encontra a receber, temporariamente, a luz da estrela está na fase de noite.

Day/Night Terminator Map [© Academo

Órbita

A órbita de um planeta é a linha imaginária que esse planeta descreve durante a sua translação.

Uma órbita é uma elipse (na realidade, no caso das órbitas dos planetas, é muito semelhante a uma circunferência).

Afélio

O afélio é o ponto da órbita de um corpo em que este se encontra mais afastada da estrela (no caso da Terra são cerca de 152 milhões de km do Sol).

Periélio

O periélio é o ponto da órbita de um corpo em que este se encontra mais perto da estrela (no caso da Terra são cerca de 147 milhões de km do Sol).

Os Movimentos Celestes – Parte I [© astropt.org]

TOP



hit
  counter
visitas | Estatísticas | Miguel Neta 2017